CRESCIMENTO ECONÔMICO E GASTO EM INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTE NO BRASIL: UMA ANÁLISE PARA OS ESTADOS BRASILEIROS NO PERÍODO 1985 a 2015

Danilo Anunciação Santos, Carlos Eduardo Iwai Drumond, Andréa da Silva Gomes

Resumo


O presente trabalho objetivou analisar a relação entre crescimento econômico e gasto do governo em infraestrutura econômica nos estados brasileiros no período 1985-2015, dando enfoque para o investimento de recursos públicos em infraestrutura de transporte e logística, como meio facilitador para a criação de endogeinedades. Tomou-se como ponto de partida o trabalho de Barro (1990), que discute os impactos gerados pela aplicação de recursos públicos no crescimento econômico, através de retornos de escala crescentes. Para melhor evidenciar essa relação foi realizada uma breve análise descritiva dos dados de infraestrutura do país e de seus estados, destacando a aplicação de recursos públicos em estruturas de apoio logístico e sua relevância para o funcionamento de uma economia. Utilizando a taxa de crescimento do PIB per capita dos estados como variável dependente, e os gastos em infraestrutura, desagregados sob elementos que a compõe (Comunicação, Energia Elétrica e Transporte), como variáveis explicativas, estimou se o modelo de regressão em Painel com efeitos fixos. Os resultados do modelo apontaram para uma influência positiva do gasto em infraestrutura sobre o crescimento econômico, com ênfase para o gasto em infraestrutura de transporte, cuja magnitude do efeito é maior.

Palavras-chave


Gastos Públicos; Infraestrutura Econômica; Logística; Retorno Econômico; Endógeno

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Flag Counter

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia