Duração do desemprego na região metropolitana de Salvador: mensuração e análise

Claudia Sá Malbouisson Andrade

Resumo


Este trabalho analisa a duração média completa do desemprego na Região Metropolitana de Salvador (RMS) a partir dos dados da Pesquisa de Emprego e Desemprego. Para tanto, utiliza-se uma nova metodologia, que permite a utilização de dados em cross-section, para estimar essa duração com base no cálculo da probabilidade de continuidade no desemprego. Essa metodologia vem sendo apresentada nos trabalhos de Baker (1992b), Corak e Heisz (1995) e Sider (1985). O foco principal do trabalho é analisar a distinção entre as durações médias completas (estacionárias e não-estacionárias) e a duração média incompleta do desemprego, tal como apresentada nas estatísticas oficiais. Discute-se ainda a existência de heterogeneidade entre as durações e os principais determinantes do desemprego. Os resultados evidenciam que os indicadores não-estacionários descrevem de forma mais exata as condições de funcionamento do mercado de trabalho. Constata-se também a existência de heterogeneidade nas durações do desemprego entre os diferentes grupos sociais na Região Metropolitana de Salvador. Por fim, observa-se que aumentos no desemprego refletem-se fundamentalmente no aumento das durações.


Palavras-chave


Análise de duração, desemprego-Região Metropolitana de Salvador, duração do desemprego; desemprego-indicadores.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Flag Counter

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia