HISTÓRIA ECONÔMICA E ORGANIZAÇÃO SOCIOESPACIAL DE ALAGOAS (1933-2017)

Guilherme Carneiro Leão de Albuquerque Lopes, Fernando Cézar de Macedo Mota

Resumo


O presente artigo tem como objetivo geral analisar a transformação da estrutura econômica e a organização socioespacial alagoana, com ênfase nas mudanças em sua rede urbana. A análise concentra-se nas mudanças da rede urbana, no processo de urbanização e na centralidade urbana alagoana como expressão material e espacial das transformações da estrutura produtiva do estado. Para realizar a pesquisa, foi utilizado o método histórico estrutural aplicado à análise regional. Concluímos que a especialização produtiva local na fabricação de açúcar e álcool a partir notadamente de 1933 com a criação do IAA, não permitiu o avanço da divisão social do trabalho e, por consequência, o avanço das forças capitalistas de produção no estado. Isso implicou em um ritmo de urbanização muito mais lento, uma rede urbana verticalizada, assim como um fraco grau da hierarquia urbana alagoana.


Palavras-chave


Rede Urbana; Estrutura produtiva; Alagoas

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Flag Counter

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia